25
Qui, Mai
0 Novos artigos

A Diocese de Marília comunica, com pesar, o falecimento dos senhores Reginaldo Oquiali e Adriano Bazzo, vítimas de um acidente automobilístico na madrugada desta sexta-feira, dia 23, na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), em Adamantina.

Confiantes na Ressurreição, elevemos preces aos céus pelo descanso eterno dos falecidos, pelo conforto de seus familiares e pelo restabelecimento da saúde do Padre Manoel Cirino de Souza e da senhora Alessandra Zafanelli Oquiali, também envolvidos na fatalidade.

Na oportunidade, dom Luiz Antonio Cipolini agradeceu aos padres e fiéis envolvidos no desenvolvimento das atividades do Jubileu Extraordinário na Diocese. “Nosso objetivo é perpetuar o Ano da Misericórdia nos corações dos idosos de Irapuru”, ressaltou ao falar da construção do Lar Santa Genoveva como gesto concreto da iniciativa jubilar.

Hoje, 4 de novembro de 2016, os religiosos e leigos estigmatinos celebram os 200 anos de existência procurando imitar o fundador vivendo a própria vocação com espírito de humildade, de confiante abandono nas mãos de Deus e em generoso serviço aos Bispos. “No ser um só coração e uma só alma, façam-se tudo a todos para ganhar todas a Cristo”.

Dom Luiz Antonio Cipolini preside missas na Catedral São Bento e na igreja de Oriente. Celebrações abrem oficialmente o Ano Nacional Mariano na Diocese de Marília.


Amanhã, dia 12 de outubro, é celebrada a padroeira do Brasil, Nossa Senhora da Conceição Aparecida. Os fiéis contarão com celebrações especiais em todas as cidades que compõem a Diocese de Marília.

As missas marcarão a abertura oficial do Ano Mariano, que acontecerá em todo o país do dia 12 de outubro de 2016 a 11 de outubro de 2017, conforme divulgou a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) no mês de setembro. A iniciativa foi pensada pela entidade para que as comunidades possam celebrar com entusiasmo os 300 anos de aparição da imagem de Nossa Senhora no Rio Paraíba, comemorados no próximo ano.

Segundo Dom Luiz Antonio Cipolini, bispo diocesano, o Ano Nacional Mariano é uma oportunidade para o povo brasileiro agradecer a Deus pela intercessão de Nossa Senhora Aparecida. “Na imagem de Aparecida podemos aprender como Deus, em sua misericórdia, se volta para o Brasil e oferece sua própria Mãe a todos os brasileiros”, disse.

“Convido a todos para que participem neste próximo dia 12 da abertura do Ano Mariano. Queridos irmãos e irmãs, procurem participar nas suas paróquias. Vamos nos unir em oração no dia da Padroeira do Brasil pedindo a intercessão de Nossa Senhora sobre aqueles que mais sofrem”, convida o bispo diocesano.

Às 9h, em Oriente (SP), Dom Luiz fará a inauguração e a dedicação da Igreja que leva o nome da padroeira do país e, às 17h, participará da procissão, com saída da Capela do Colégio Sagrado Coração de Jesus, seguida de missa na Catedral Basílica de São Bento.

Em todas as igrejas da Diocese haverá missas em homenagem a Nossa Senhora da Conceição Aparecida.

 

Foto: Erica Montilha - Pascom diocesana.
A imagem é do dia 12 de outubro de 2014, na Praça da Catedral, quando um multidão de 10 mil fiéis acolhia a imagem peregrina de Nossa Senhora Aparecida na cidade. 

Comunicamos o falecimento da Sra. Maria Ângela Izzo Chaves, esposa do Sr. Jair Chaves, econômo diocesano. O corpo será velado a partir das 14h no Santuário Nossa Senhora da Glória e às 17h o corpo segue para Piraju onde será velado no velório municipal. O sepultamento será amanhã, 11, às 10h no cemitério municipal de Piraju. Aos que a morte entristece anunciamos a certeza da Ressurreição e da Vida eterna em Cristo Jesus, nosso salvador. Nossos sentimentos aos familiares e amigos.

O bispo de Marília (SP), dom Luiz Antonio Cipolini, abriu a Porta da Misericórdia no mosteiro Maria Imaculada, pertencente às religiosas Clarissas da Ordem de Santa Clara. A celebração aconteceu na quinta-feira, 11, quando a Igreja fez memória da fundadora da ordem, Santa Clara de Assis.

A Diocese de Marília comunica, com pesar, o falecimento de seis agentes da Pastoral Nipo-Brasileira da Paróquia São Pedro Apóstolo, de Garça.

As Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus tiveram, na última sexta-feira (24), o Jubileu Extraordinário na Betânia Charitas Christi, em Marília. Iniciado às 17h, o evento fez parte da celebração do Ano Santo da Misericórdia. "Sentimo-nos felizes por sermos agraciadas pela abertura da Porta Santa neste Ano Jubilar da Misericórdia. Esta é uma possibilidade de experimentarmos o Amor e a Misericórdia de um Deus que tem um Coração infinitamente bom", disse a superiora da congregação, Irmã Davina Rodrigues.

Iniciativa da Escola São Lourenço, que prepara os candidatos ao diaconato permanente na Diocese, realizou formação sobre a Exortação Apostólica do Papa Francisco a respeito do amor na família. Para o diretor, o principal objetivo é que as mulheres ajudem seus cônjuges no exercício do futuro ministério

A Missa da Ceia do Senhor, com o rito de Lava-pés, foi celebrada pelo bispo Dom Luiz Antonio Cipolini na Catedral Basílica Menor de São Bento, em Marília, nesta Quinta-feira Santa, dia 24. O rito lembra a atitude humilde de Jesus quando, na Última Ceia, instituiu a Eucaristia e lavou os pés dos discípulos antes da crucificação.

A celebração dos Santos Óleos, como também é conhecida, ocorreu na noite da última terça-feira, dia 22, na Paróquia São Pedro de Tupã. Os padres renovaram as promessas sacerdotais e levaram, para suas comunidades, os óleos que serão usados nos sacramentos do Batismo, Crisma, Ordem e Unção dos Enfermos.

Pagina 1 de 3
Pastoral da Esperança de Marília
Área de dowloads